Você tem crenças limitantes na sua vida? Saiba aqui!

Equipe Eurekka

Quando nascemos, estamos no ponto de partida de uma estrada cheia de possibilidades. Conforme andamos por ela, passamos por momentos, experiências, aprendizados e relacionamentos que irão influenciar e moldar o caminho que trilhamos. E, no meio do caminho, pode ser que criemos certas crenças limitantes.

E isso acontece, porque nossas crenças são criadas através de certas influências. De modo que nem sempre essas crenças são positivas, muitas delas são uma verdadeira pedra no caminho dos nossos objetivos.   

Então, neste artigo, vamos explicar para você tudo sobre as crenças limitantes que podem estar impedindo o seu desenvolvimento pessoal! Assim, ao entender oque elas são e como identificar, você vai poder repensar melhor sua vida e mudar seus pensamentos para melhor!

Confira!

O que são crenças limitantes?

São pensamentos negativos ou barreiras mentais que construímos desde a infância e que usamos como verdades para nos guiar em muitas situações ao longo de toda nossa vida.

Uma crença está relacionada a uma ideia na qual acreditamos e que nos limita de alguma forma. E isso pode surgir dentro da família, do grupo de amigos, ser algo ensinado, estudado ou simplesmente praticado por cada um.

Claro que ninguém quer ter pensamentos destrutivos e paralisadores sobre si, por isso é importante entender que as crenças são inconscientes, ou seja, não percebemos esse padrão a não ser que a gente pare para se observar.

Exemplos de crenças limitantes

As crenças limitantes estão muito presentes no nosso dia a dia, mas só percebemos depois de entender o que são!

Imagine que você tenha vontade de começar a praticar exercício físico, mas o único horário disponível na sua agenda é às 7 da manhã.

Você sabe os benefícios que trará para seu corpo e sua mente, e o quanto precisa desse hábito para sua vida. Mas quando era adoslescente, tinha dificuldade de acordar cedo, e, desde então, sempre desligou o despertador várias vezes e acordou no último minuto para ir à escola ou ao trabalho.

Logo, você cresceu achando que não é uma pessoa matinal, que nunca conseguiria acordar mais cedo do que o necessário. Então, quando você pensa em fazer exercício físico pela manhã, vem aquela voz interior e diz “Não sou uma pessoa matinal, eu nunca conseguiria criar esse hábito. Melhor nem tentar.”.

Essa é uma crença limitante, uma verdade que você criou sobre você mesmo se baseando em um período ou fato de vida específico.

crenças limitantes

Como isso pode me prejudicar?

Em geral, as crenças limitantes estão relacionadas a nossa percepção sobre nós mesmos e ao nosso potencial de realização. Se você parar para pensar, perceberá que muitas das dificuldades e frustrações da vida são derivadas das nossas crenças limitantes.

Por exemplo, uma pessoa que cresceu acreditando não ter perfil empreendedor dificilmente vai conseguir sair do emprego para arriscar investir no sonho de ter o próprio negócio.

Confira abaixo outras situações em que as crenças limitantes podem prejudicar você!

Na vida pessoal

Essas verdades que criamos sobre nossas habilidades e personalidade interferem muito na vida pessoal. Um exemplo clássico é a crença da falta de disciplina, que acaba nos impedindo de fazer diversas coisas. Veja outros exemplos:

  • Nunca vou emagrecer, porque não tenho disciplina para manter a dieta e praticar exercícios;
  • Não vai funcionar, porque as coisas não funcionam comigo;
  • Sempre chego tarde demais.

No local de trabalho

As barreiras que as crenças limitantes criam geralmente são sobre nossa capacidade de realização, então afetam muito nossa carreira. Alguns exemplos:

  • Não posso conseguir um bom emprego, porque não tenho curso superior.
  • Não posso ter um negócio próprio, porque a economia do país é ruim.

Em outras áreas

As crenças limitantes podem aparecer em todas as áreas como, por exemplo, uma pessoa que crê que a vida é sempre muito difícil. Assim, esse pensamento fará com que tudo por ela seja visto como algo complicado, inalcançável e extremamente desafiador.

De modo que ela sempre acha que não vai conseguir realizar as terefas e que não é boa o suficiente.

banner terapia

Como formamos as crenças limitantes

Quando somos crianças, absorvemos muito mais as informações e acontecimentos. Isso acontece porque não temos um filtro bem definido sobre as coisas, então tomamos tudo como exemplo e aprendizado.

Desta forma, carregamos esses padrões para a vida adulta também. Esses bloqueios emocionais que criamos ainda pequenos, passam a servir como guias de comportamento.

Existem várias fontes de crenças limitantes, como:

  • Círculo social;
  • Generalização de Experiências;
  • Desculpas;
  • Medos;
  • Sociedade.

Como eu posso identificar as minhas crenças limitantes?

Criamos um passo a passo simples para ajudar você a identificar suas crenças limitantes!

Primeiro, pense sobre algo que você gostaria de fazer e não faz. Então, pense no porquê de você não fazer. Anote tudo em um papel.

Agora pare e analise se as coisas que te impedem fazem sentido racionalmente. Questione a sua crença levantando as seguintes questões:

  • Não faço isso por algo que realmente tem fundamento? Quais são os fatos que comprovam?
  • Eu sempre pensei dessa forma?
  • Existem evidências contrárias à minha crença?
  • As outras pessoas concordam com essa crença?
  • Como seria pensar exatamente no oposto dessa crença?
  • Essa crença está me ajudando a progredir nos meus objetivos?
  • Como eu pensaria sobre essa crença se eu fosse outra pessoa que eu admiro (Steve Jobs, um familiar, um mentor, um empresário, um médico etc…)

Por fim, essas perguntas vão ajudar você a olhar por outra perspectiva, levando você a mudar o paradigma para algo mais positivo e encorajador. Além disso, podem te ajudar também a identificar qual é a crença que está te limitando.

mulher tocando violão

Como superar as crenças limitantes?

Como vimos, as crenças limitantes fazem com que você viva abaixo do seu potencial e impedem que você alcance seus objetivos. Por isso, é importante saber como elas podem ser mudadas! 

Depois de identificar suas crenças (veja o passo a passo acima!), reconheça as consequências que esses pensamentos te trazem.

Além disso, uma das coisas mais importantes em superar crenças é adotar uma nova crença, ou seja, escolher algo novo que irá motivar você a melhorar a sua vida.

Por exemplo, se você tinha uma crença limitante de que já passou da idade para aprender um novo idioma, então crie um novo padrão de pensamento de que nunca é tarde para começar algo de que você gosta!

Por fim, coloque em prática! Tome uma atitude e comece a implementar coisas que suportem a sua nova crença. Então, hoje mesmo, comece a pesquisar cursos, entre em contato com escolas de idiomas e tire seus projetos do papel!

sede da Eurekka

Supere suas crenças limitantes com a Eurekka!

Agora que você já sabe a importância de se livrar das crenças limitantes, imagino que queira se libertar de vez das suas, não é mesmo? E a Eurekka pode ajudar você nessa missão!

Se você quer acabar com essas barreiras que impedem você de tingir seus objetivos e ter uma vida mais plena, marque já uma conversa com um nossos terapeutas. Contamos com um time de psicólogos especializados que vão auxiliar você a quebrar esses padrões de pensamento e comportamento.

Então, se você quer transformar o modo como pensa de si mesmo, não perca tempo! Clique aqui e agende sua conversa inicial

🥰 Este artigo te ajudou?

0 / 5 5

Equipe Eurekka

Leave a Reply

Your email address will not be published.