Ron Bugado: 3 ricas lições sobre amizade, tecnologia e infância

Equipe Eurekka

E se eu te contasse que nem todos os melhores filmes da Disney são famosos e super divulgados? Pois é, existem algumas relíquias escondidas por aí e é sobre isso que vamos falar hoje! Ron Bugado é um filme com bastante humor, que irá fazer você dar várias risadas e também te fazer chorar junto às crianças. 

E, para te incentivar a assistir, a Eurekka trouxe três mensagens que a animação proporciona ao público: vício de crianças em tecnologia, solidão na escola e amizades verdadeiras fora do mundo virtual.

Boa leitura!

Sinopse de Ron Bugado

Ron Bugado é um filme de animação que conta a história de um menino chamado Barney, que vive em um mundo futurista e tecnologicamente avançado. Todos na escola têm o mais novo e incrível dispositivo eletrônico chamado “B-Bot”, uma espécie de robô assistente pessoal. Exceto Barney, que não pode pagar um. 

Ele se sente deslocado e excluído por causa disso. Assim, em uma tentativa desesperada de se encaixar, Barney adquire um B-Bot defeituoso chamado Ron. A partir daí, a dupla embarca em uma aventura hilariante para consertar Ron e provar que a amizade pode superar as diferenças. 

Onde tem Ron Bugado?

Ron Bugado dublado está disponível para assistir na plataforma de streaming Disney +.

O filme foi produzido pela 20th Century Studios (uma divisão da Disney) e teve seu lançamento nos cinemas durante a pandemia, em outubro de 2021. 

O que significa Ron Bugado?

Ron Bugado é, na verdade, uma mistura entre o próprio nome do robô, Ron, e a palavra bugado, que significa que ele não funciona de acordo com as expectativas.

Isso quer dizer que Ron tem erros na sua programação, como, por exemplo, não conseguir se conectar ao Wi-Fi para juntar-se à rede de B-Bots, dizer aleatoriedades e não ter um comportamento específico e adequado.  

Pelo fato de Ron ter defeitos de fábrica, isso acaba criando uma série de situações cômicas e problemas para Barney. 

ron bugado e Barney
Ron e Barney | Reprodução

Qual a mensagem do filme Ron Bugado?

Agora que você já entendeu o enredo principal do filme, vamos ler sobre a moral de Ron Bugado para o público infantil — e adulto também.

Mas fique tranquilo, essa análise psicológica não tem spoilers!

Crianças e vício em tecnologia

A princípio, o foco da história de Ron Bugado se ambienta na escola de Barney. Todo ambiente escolar tem tendências, e na do protagonista não é diferente. Lá, os alunos estão curtindo a febre de robôs B-Bots, que podem ser personalizados e até mesmo ligados às redes sociais, gerando fama e popularidade. 

O filme, então, traz essa crítica à dependência virtual que as crianças de hoje em dia vivem. Não sabem brincar e interagir umas com as outras sem um celular em mãos e nem dão valor ao contato humano em um mundo cada vez mais tecnológico. 

Ron Bugado deixa uma pergunta no ar: existe realmente uma conexão fora das redes

Estamos tão imersos em bolhas virtuais de pessoas que, de acordo com os algoritmos, se parecem conosco, que não enxergamos essa influência da internet nas relações. Em vez de serem ligações sólidas e profundas, são líquidas e superficiais. Tudo isso por engajamento para satisfazer nosso ego.  

Bullying e solidão infantil

Os B-Bots são robôs sociais que ajudam as crianças a se conectarem umas às outras. Só que Barney não tem dinheiro para comprar um. Ele sofre bullying por não conseguir se encaixar nesse padrão social existente desde cedo. 

Por conta dessa falta de aproximação, já que ele não tem um B-Bot, Barney não tem amigos e nem mesmo seus antigos colegas se lembram dele e dos momentos que se divertiam juntos. E, seu desejo como uma criança, é que um dia possa ter um B-Bot para, enfim, ter amizades a sua volta. 

Aliás, esses traumas se refletem em Barney, que se isola por não estar presente nessa bolha social e desenvolve características de introversão, timidez e passividade diante de agressões. 

Mais uma vez, o filme traz à tona outro ponto que também existe no mundo real. O bullying faz com que as vítimas não consigam se encaixar e que se cobrem para atingir um padrão tóxico de sociedade a todo custo, só para se sentirem aceitas. 

Se você já sofreu ou ainda sofre brincadeiras de mau gosto e fica triste por não ter amigos na escola, faculdade ou trabalho, é importante saber se valorizar e cuidar do seu bem estar físico, mental e emocional para que isso não te atinja. Procure ajuda clicando no banner abaixo. 

banner terapia

Verdadeiro valor das amizades

Ao descobrir que seu B-Bot tem defeito, Barney decide não querer mais ele. A questão é que o robô Ron também não se adequa aos padrões de outros robôs e seus donos. Só que, desde o primeiro instante, Ron tem algo que mais nenhum deles tem: a liberdade para ser o que é. 

Ron é um robô livre da programação, então, ele faz coisas por espontânea vontade e também para querer agradar seu amigo humano de um jeito não automatizado. Isso mostra a Barney, e ao público, que é preciso ter orgulho de quem somos e valorizarmos nossos desejos e quem nos quer por perto do jeito que gostamos de ser.   

O verdadeiro valor das amizades, segundo o filme, está em enxergar o outro como ele é e aceitá-lo por isso. Amigos podem viver grandes aventuras sem julgamentos, e mesmo que discordem, ainda serão companheiros. 

Mais lições de vida nos livros

Ron Bugado é uma animação valiosa para quem assiste, independente da idade. Mesmo que seja um filme voltado ao público infantil e pareça ter apenas a função de divertir de um jeito bobo e despretensioso, as lições de vida ali estão bem claras para serem refletidas e absorvidas.

E a Eurekka também possui algumas dicas para compartilhar com você, seja sobre relacionamentos, como vencer medos, timidez, autoconfiança, amizade e mais! Por meio de guias práticos elaborados por psicólogos, você pode ler e aprender a se cuidar do jeito certo e a lidar com diversas questões da vida.

Este artigo te ajudou?

0 / 3 3

Equipe Eurekka

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *