Psicologia social: Saiba tudo sobre essa área da psicologia

Equipe Eurekka

Já pensou em como você age de modo diferente com cada pessoa que interage? Com seus pais você é de um jeito, com seus amigos de outro jeito e com seu chefe de outro. Isso acontece, porque as relações afetam os comportamentos, sentimentos e emoções. E é isso que a psicologia social explica.

Estamos sempre assumindo papéis. Pense em nas pessoas pra quem você conta tudo, seus amigos e aqueles com quem você faz piadas. Por outro lado, pense a seriedade do seu trabalho, dos seus estudos e sobre as pessoas com quem você se relaciona nesses ambientes. São modos de agir diferentes em lugares diferentes.

E, nesse texto, nós vamos explorar mais sobre essa área da psicologia. O que é a psicologia social, suas vertentes, campos de atuação e como se tornar um profissional dessa área. Então, continue com agente até o fim para saber tudo sobre o assunto!

O que é psicologia social?

A psicologia social é uma forma de entender como a relação entre pessoas ou grupos influencia o indivíduo. E após obter essas informações, o profissional dessa área busca intervir para melhorar a convivência entre grupos e pessoas.

A psicologia social mostra que podemos descobrir como nosso humor, modo de agir, jeito de falar, sentimentos, e até nossa própria imagem mudam através de interações que temos desde que nascemos.  

E esse contato surge a partir de gestos, conversas, diálogos ou expressões faciais e corporais que têm um significado e que levam a uma reação emocional ou gestual de uma maneira recíproca.

Isso existe em quase todas as situações, porque, mesmo quando você está sozinho, você pode se lembrar de uma situação que envolveu no mínimo uma outra pessoa que te influenciou de alguma forma. Já pensou? O poder das relações é muito grande!

E é justo isso que a psicologia social vem mostrar. Em grupo ou com uma outra pessoa, agimos diferente do que se estivéssemos sós. Isso pode ser bom ou ruim dependendo da situação. 

Então, se você quer parar de beber, mas convive com pessoas que bebem, vai ser muito mais difícil se libertar do vício. Mas, se você convive com pessoas que não bebem e te motivam, será mais fácil, porque você estará cercado de influências positivas no ambiente.

Vertentes da psicologia social em geral

Há duas vertentes. Cada vertente percebe a interação entre indivíduo e grupo de um ângulo diferente. Uma vertente foca nas influências do grupo sobre a pessoa, enquanto a outra foca nos fatores que causam a conexão da pessoa com um determinado grupo.

Mas apesar de cada vertente analisar um aspecto diferente, elas se complementam. Confira só!

Psicologia social psicológica

Essa vertente fala sobre as influências do meio ou do grupo social sobre a pessoa. Ela busca esclarecer quais são exatamente estas influências, como acontecem, e como a pessoa pode agir e reagir de uma forma funcional e produtiva perante as influências ou a sociedade em geral.

Psicologia social sociológica

Quando a pessoa se relaciona de uma forma verbal ou gestual com os diferentes grupos ou pessoas, sempre há coisas específicas que fortalecem a ligação entre ela e os grupos. Por isso, essa vertente tem como objetivo descobrir os motivos que levam a pessoa a se vincular a um certo grupo ou pessoa.

A psicologia social na América Latina

Na América Latina, a psicologia social busca se expandir para além da teoria científica e elitizada. Então, ela procura, não só entender os fatores que levam a desigualdades sociais, mas também traz formas práticas de como lidar e diminuir estas injustiças.

Veja como isso acontece na prática!

Psicologia social comunitária

Começou em meados da década de 1960. A psicologia social comunitária desenvolve autonomia nas comunidades para que elas possam ter a liberdade de resolver as suas questões usando o senso crítico. 

E para que isso aconteça, os estudos e intervenções nesta linha são baseados nos temas mais atuais e relevantes do cotidiano de determinado lugar. São temas como direitos humanos, justiça, valores, princípios éticos, caridade e desenvolvimento do senso crítico.

Psicologia da libertação 

Surgiu na década de 1980 por Martín Baró. Ao perceber a realidade de extrema pobreza e violência em El-Salvador, Baró dizia que a psicologia deve ser uma ferramenta de libertação para as populações oprimidas, como uma forma de combate à desigualdade social.

Ele dizia que a psicologia não deveria ter uma posição somente teórica, científica e elitizada e sim ser ressignificada para atender as necessidades das populações oprimidas. Sendo que isso seria feito através do resgate e de conceitos como história, identidade, liberdade e luta contra o senso comum.   

formação eurekka

Silvia Lane e a psicologia social no Brasil

Silvia Lane é uma figura bem importante no campo da psicologia social no Brasil. Ela trouxe conceitos inovadores e contribuiu com o desenvolvimento da psicologia social. De que forma? 

Primeiro, ela defende a ideia de que a própria área da Psicologia já é social, pois é impossível levar em consideração aspectos psicológicos de alguém sem pensar em outras pessoas que fazem parte da vida dessa pessoa.

Além disso, ela enfatiza que a psicologia social é uma ferramenta prática para romper desigualdades e injustiças sociais. Por isso, pode provocar mudanças significativas na sociedade brasileira através da saúde mental. 

Onde atua a psicologia social?

Na sua forma prática, a psicologia social atua em muitas instituições. Como centros de acolhimento e atenção para crianças e jovens, asilos, auxílio à assistência social, penitenciárias e defesa de direitos sociais. 

E para conhecer outras áreas da psicologia e suas atuações, clique aqui!

Como se formar em psicologia social?

Fazer a graduação em Psicologia seria suficiente para trabalhar na área. Mas, para ter um diferencial, é importante fazer uma pós-graduação. Assim, além de ter mais facilidade de contato com profissionais do mercado de trabalho, você também vai ter mais domínio sobre o assunto e poderá ser um profissional melhor!

sede da Eurekka

Aprenda com o clube do livro Eurekka!

Você acabou de ler que não está sozinho no mundo e que influencia e é influenciado por outras pessoas e grupos o tempo todo.

Isso significa que você precisa cuidar das suas relações e das suas interações, para que seja uma pessoa mais produtiva, feliz e realizada.

E é para ajudar você a viver melhor que nós criamos o Clube do Livro Eurekka! Com nosso kit mensal você aprende, em micropassos, como melhorar a sua autoestima e como amadurecer com segurança. Os livros ensinam você a se relacionar melhor com as pessoas ao seu redor e a ter mais autoconhecimento!

Legal né? Funciona assim: ao fazer parte do Clube, você recebe na sua casa, todo mês, um kit exclusivo com temas sempre diferentes. E nesse kit você ganha: 1 livro + 1 livreto + 1 marca páginas com frase + 6 adesivos +2 cards com técnicas e 1 checklist! Ufa, muita coisa!

Ficou interessado? Então clique aqui e saiba como fazer parte!

🥰 Este artigo te ajudou?

0 / 5 0

Equipe Eurekka

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.