Terapia em grupo: o que é, tipos, benefícios e como começar

Equipe Eurekka

Muitas pessoas, até hoje, acham que terapia é só individual! Mas saiba que isso não é verdade, e há modelos de terapia em grupo muito usados hoje em dia. Sendo assim, a terapia em grupo traz muitas coisas boas para sua vida. Só para começar, imagine como é ver ao vivo outras pessoas falando coisas que você achava que aconteciam só contigo.

Além disso, na terapia em grupo, todos interagem, então você aprende muito com isso! Portanto, todo mundo participa, fala, escuta e busca dar suporte. No texto de hoje, você vai aprender sobre os benefícios desse modelo de terapia. Continue a leitura.

O que é terapia em grupo?

É um tipo de terapia que ocorre a partir de quatro pessoas. Essas pessoas se reúnem, pois vivem coisas parecidas ou relacionadas. Assim, as sessões podem ocorrer com um ou dois terapeutas e a duração é entre uma hora e meia e duas horas. Nesse sentido, o terapeuta,  junto com o grupo, desenvolve, organiza e traz novas ideias para lidar com as queixas que surgem.

Os temas abordados são de livre escolha dos pacientes e variam de acordo com os desejos e dores do grupo. Aliás, vale lembrar que o terapeuta também pode sugerir tópicos ligados ao que está sendo discutido.

Leia mais sobre como escolher um bom psicólogo!

Quais os tipos de terapia em grupo?

Veja, não existe só um tipo de terapia em grupo. Os grupos mudam de acordo com o método do psicólogo e tipo de queixa principal a ser tratada. Confira. 

Grupos cognitivo-comportamentais

Em primeiro lugar, é importante dizer que a terapia cognitivo-comportamental foca em como as situações da vida afetam suas emoções e comportamentos. Assim, a partir dessas situações, você cria pensamentos e modos de agir mais construtivos. E no contexto de grupo, como isso funciona? 

Aqui, o grupo não precisa ter definido um tema em comum. Afinal, o objetivo é que as pessoas sugiram novos pensamentos positivos e reais a partir de uma situação que causou pensamentos ruins em você. 

Grupos psicoeducacionais

No grupo de psicoeducação, o psicólogo passa para os pacientes e seus familiares um conhecimento que ajuda a entender melhor o que está acontecendo com cada paciente. Desse modo, ao terem mais informações sobre as questões sensíveis, os pacientes e familiares se tornam aptos para aplicar estratégias que levam a uma vida mais saudável para todos. 

Podem ser temas como dependência química de parceiros ou parentes, como lidar com os filhos adolescentes na era da tecnologia, uso de substâncias psicoativas entre adolescentes ou adultos, relacionamentos tóxicos, violência familiar, doença de um ente querido, etc. 

terapia em grupo com 4 pessoas conversando

Grupos de suporte

Os grupos de suporte têm como foco a reintegração da pessoa nos lugares em que vivia. Por isso, na terapia participam outras pessoas que fazem parte da vida dessa pessoa, como família e amigos. 

Então, acontecem trocas de experiências, memórias e sentimentos, com o objetivo de melhorar a autoestima e bem-estar emocional desta pessoa. 

Como parte do processo de adaptação e reintegração, as pessoas relacionadas ao indivíduo praticam com ele atividades ligadas ao bem comum como artesanato, atividade física, teatro, e trabalho voluntário.

Saiba como definir seus sentimentos com essa lista de sentimentos!

Grupos temáticos

Os grupos temáticos têm como proposta ressignificar traumas. Por isso, o acolhimento, a validação e a reflexão fazem parte do processo de elaborar em níveis pessoal e grupal o impacto dos eventos e os temas que aparecem a partir dele. E as pessoas têm a liberdade de trocar experiências sobre os eventos pessoais. 

Fazem parte de grupos temáticos pessoas que sofrem por violência física ou verbal, racismo, preconceito, injustiças e desigualdades.    

Como funciona a terapia em grupo?

Primeiro, as pessoas quebram o gelo ao falar como estão passando hoje. Em seguida, o terapeuta recupera as conclusões da semana passada e sugere continuar falando sobre elas ou pergunta se os pacientes têm outras coisas para conversar. Tudo depende do caso e das circunstâncias.

Logo em seguida, os pacientes compartilham suas dúvidas, conversam sobre elas, analisam junto com o terapeuta diferentes possibilidades, enquanto o terapeuta vai ouvindo, anotando, fazendo perguntas e orientando.

Entre as intervenções, há várias técnicas interativas. Podem ser feitas dinâmicas de grupo e role play, que seria uma atuação de situações reais dos pacientes, em que o terapeuta ou outros pacientes assumem papéis, e depois, o grupo todo conversa sobre as percepções e conclusões destas atividades, com o objetivo de ganhar habilidades para o dia a dia.

O que pode ser tratado na terapia em grupo?

Na terapia em grupo, pode ser tratado qualquer assunto da terapia individual. A única diferença é que você vai ver mais exemplos. Em geral, são temas como mudanças, inseguranças, depressão, ansiedade, violência, vícios, separação, doença, preconceito, problemas nas relações pessoais ou de trabalho, entre outros.

Embora possam surgir coisas diferentes em cada sessão, elas quase sempre estão ligadas ao objetivo comum do grupo. Por exemplo, em um grupo de pessoas que têm ansiedade social, o foco será a melhora das habilidades sociais, sendo que as intervenções são nesta linha também.

Já em um grupo de profissionais que buscam melhorar a relação entre eles, o foco será a melhora da comunicação e integração em equipe, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida no trabalho.

Se você não acha que a terapia em grupo seja uma opção pra você, mas ainda gostaria de saber mais sobre temas ligados à saúde mental e receber dicas para ser uma pessoa melhor, dia após dia, então você precisa conhecer o Clube do Livro Eurekka! Todo mês, um kit completo sobre um tema de saúde mental exclusivo, na porta da sua casa. Saiba mais sobre o Clube do Livro no banner abaixo.

Banner clube do livro

Qual a importância da terapia em grupo?

A terapia em grupo cria novas relações, fortalece outras e aumenta a sua motivação. Assim, há um incentivo maior para resolver problemas e dar novo sentido aos eventos da vida. Aliás, tudo isso acontece dentro de um ambiente que favorece esse incentivo. Veja em detalhes cada vantagem:

1. Fortalece as relações

Quanto você conta sobre seus sentimentos e ouve os sentimentos dos outros, as relações se tornam mais fortes, não só entre os pacientes que se identificam com você, mas também na sua vida fora. 

É isso mesmo! Você desenvolve a capacidade de ouvir e de se expressar melhor. Isso faz com que as pessoas se aproximem mais de você e tenham um melhor vínculo. Aqui você vê de uma forma nítida como a terapia não acontece só naquelas duas horas da sessão. 

Portanto, você se torna uma pessoa mais madura na família, nas relações afetivas, no trabalho e nas amizades.

Leia mais sobre maturidade e como alcançá-la

mão uma em cima das outras fazendo um gesto de união na terapia em grupo

2. Aumenta a motivação

A motivação aumenta porque você repara que a sua vida e a vida dos outros pacientes vai mudando. Como? Aos poucos, você percebe a superação dos desafios, a melhor qualidade de vida e o foco no que é importante para cada paciente.  E você participa do processo todo desde o início. Isso não é incrível?

3. Pode ser mais barato

Coloca o preço na sua lista de vantagens. Em muitas clínicas particulares, os preços da terapia individual podem ser caros para algumas pessoas, o que torna a terapia inviável. Assim, você consegue dividir o valor das sessões com um número maior de pessoas.

4. Segurança para praticar e ajudar um ao outro

A segurança está no ambiente amigável, sigiloso e acolhedor. Essas são as condições perfeitas para todos se ouvirem e se entenderem e assim poder ajudar um ao outro de um jeito mais fácil.

5. Rede de apoio e suporte

Nesta rede, você é aceito do jeito que é, porque pensa que as outras pessoas também vão compartilhar falhas e desafios pessoais. E é isso que traz apoio e suporte mútuo para que você e as outras pessoas possam fazer as melhores escolhas.

sede eurekka

A Eurekka oferece terapia individual

Você pode começar fazendo terapia individual com a Eurekka. Aqui também você vai receber todo apoio e suporte de psicólogos éticos e que vão buscar entender e ajudar você com qualquer assunto. E não se preocupe, os preços variam e temos até atendimento por um valor social.

Veja só! A Eurekka também trabalha com as técnicas de roleplay, psicoeducação e ressignificação de situações, além de outras técnicas como mudança e criação de hábitos, modelagem e muito mais.

Nossos psicólogos sabem quais são as técnicas mais adequadas para qualquer questão pessoal pela qual a pessoa esteja passando.  

Por isso, clique aqui para agendar a sua conversa inicial com um dos nossos psicólogos, onde você irá definir os objetivos que deseja melhorar e, assim, se tornar uma pessoa com muito mais autoconhecimento.

🥰 Este artigo te ajudou?

0 / 5 5

Equipe Eurekka

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.