Relaxante muscular: qual o melhor, riscos e como tomar?

Ana Caroline de França

Ao dormir de mau jeito ou exagerar na academia e ficar dolorido, é normal pensar no uso de um relaxante muscular. Esse tipo de remédio é vendido sem receita nas farmácias brasileiras e seu uso é bastante comum.

Por serem de uso popular acabam tendo muitas informações de “senso comum”, mas que não são realmente aprofundadas. Contudo, esse tipo de remédio pode ter alguns efeitos adversos perigosos e que as pessoas não conhecem.

Por isso, a Eurekka preparou esse texto sobre o tema pra você. Então, para saber exatamente o que é um relaxante muscular, como ele age, recomendações e cuidados, leia até o final!

O que é um relaxante muscular?

Os músculos são feitos de fibras musculares, que são pequenas linhas que se esticam de acordo com nossos movimentos. Ao ficar muito tempo em uma posição desconfortável ou serem estimuladas em um exercício, por exemplo, as fibras ficam doloridas ou tensionadas .

Os relaxantes musculares são remédios que “acalmam” as fibras musculares, aliviando dores locais.

Como funcionam os relaxantes musculares?

Um relaxante muscular pode seguir dois caminhos diferentes para aliviar a dor. A primeira opção é agir no sistema nervoso, eventualmente impedindo que ele reconheça a mensagem de dor enviada pelo corpo.

Em contrapartida, o outro mecanismo possível é capaz direto nas fibras musculares, causando o relaxamento do músculo.

Existem relaxantes musculares naturais?

Alguns ingredientes naturais, como a alfazema e a arnica, são capazes de agir contra dores musculares.

Antes de mais nada, esses ingredientes podem ser aquecidos para potencializar a ação ou têm ação refrescante. Nesse sentido, a alta temperatura facilita o relaxamento das fibras musculares, enquanto a refrescância alivia a sensação de aquecimento comum em músculos irritados.

O que o relaxante muscular faz no nosso corpo?

Esses medicamentos relaxam os músculos, fazendo com que percam o excesso de rigidez. A rigidez exagerada acontece como resultado de quando o músculo é estimulado de forma intensa demais, o que pode acontecer até durante o sono. 

remédio relaxante muscular

Relaxante muscular dá sono?

Cada relaxante muscular tem uma composição diferente. Além disso, cada organismo tem níveis distintos de sensibilidade a cada um dos componentes do remédio.

Assim, o mesmo medicamento que não causa sono em uma pessoa pode deixar a outra sonolenta. Tudo depende dos componentes e do quanto o organismo é sensível a cada um deles. 

Relaxante muscular e dor lombar

É comum o uso de relaxantes musculares para alívio da dor na parte inferior da coluna (lombar), principalmente em conjunto com outros analgésicos, que são remédios indicados para alívio de qualquer tipo de dor.

Bruxismo

Bruxismo é o ato de apertar ou ranger os dentes durante o sono. Sendo assim, é comum que o médico ou dentista recomende o uso de relaxantes musculares durante o tratamento. Aqui, o medicamento vai aliviar a tensão na musculatura do rosto. 

Torcicolo

Para casos mais leves de torcicolo, também é frequente a recomendação de relaxantes musculares. Nesse caso, ele atua para aliviar a tensão e a dor dos músculos da região do pescoço. 

Efeitos colaterais do uso de relaxante muscular

Relaxantes musculares têm mais de um componente. Por causa disso, os efeitos colaterais relacionados a esse tipo de remédio também variam.

Quanto maior a dosagem e a variedade da composição do medicamento, mais recomendado é a indicação médica ou farmacêutica, mesmo que o remédio seja vendido sem receita.

relaxante muscular para torcicolo

Os riscos do relaxante muscular

Em qualquer farmácia, é fácil encontrar vários relaxantes musculares à disposição. Mas será que o uso desse tipo de medicamento não traz nenhum risco? Abaixo, falamos sobre isso.

Cuidados que os idosos devem ter

Em pessoas acima dos 60 anos de idade, muitas vezes o relaxante muscular é tomado junto com uma medicação de rotina. Essa interação é bastante perigosa, uma vez que se algum relaxante muscular possuir anti-inflamatório

Além disso, vale lembrar que os relaxantes musculares causam sonolência em algumas pessoas. Em uma pessoa idosa, isso significa maior risco de quedas e acidentes.

Uso regular de relaxante pode prejudicar diagnósticos?

Um dos maiores perigos do uso de um relaxante muscular é mascarar uma dor importante. 

Por exemplo: se você está sempre com uma má postura, isso causará dor nas costas. Tomando um relaxante muscular toda vez que sentir essa dor, você continuará com a postura errada e vai prejudicar cada vez mais sua coluna

Fique atento às dores persistentes e procure um médico em casos frequentes.

Relaxante muscular causa dependência?

É raro que um relaxante muscular cause dependência. Sendo assim, é importante lembrar que a dor é um sinal valioso do seu corpo de que algo não está bem. Investigar as causas é recomendando quando a dor se torna frequente.

O que pode ser relacionado com dependência em alguns casos é o fato de a pessoa estar sempre tentando evitar a dor. Nesse sentido, ao invés de tratar a origem do problema, se volta para relaxantes que ajudam a evitar a dor.

Remédios com efeito relaxante

Além das alternativas naturais, como a camomila e a lavanda, alguns remédios também possuem efeito relaxante.

Nomes comerciais de relaxantes musculares

Garanto que você já tomou algum desses. Talvez até mesmo tenha um aí com você agora, mas pode ser que não saiba o que eles são.

Alguns remédios comuns que agem como relaxantes musculares são: Dorflex, Miorrelax, Dorilax, Doricin e Nevralgex. Eles acabam sendo consumidos até com uma certa falta de cautela no geral.

A falta de informação pode levar um consumidor a utilizar mais de um relaxante por vez. Para isso, é importante que você conheça os remédios que consome.

Posso tomar 2 relaxantes musculares ao mesmo tempo?

Muitos relaxantes musculares têm mais de um composto. Por isso, consumir mais de um ao mesmo tempo é contraindicado. Você aumenta a variedade de compostos ao misturar dois ou mais remédios, e a mistura pode ser perigosa.

Posso tomar relaxante muscular depois de fazer exercícios físicos?

A dor ajuda a prevenir lesões mais sérias na região dolorida. Sendo assim, a dor não deve ser “tapada” com relaxante muscular. Além disso, a inflamação natural após o exercício físico faz parte do processo de fortalecimento muscular. Por isso, é importante mantê-la.

Relaxante muscular precisa de receita?

A maioria dos relaxantes musculares não precisa de receita, somente os medicamentos mais fortes e específicos.

Dicas práticas para evitar dores musculares

Agora, confira algumas dicas úteis que irão te ajudar muito a evitar que você tome medicamentos para as dores musculares.

Faça exercício físico com frequência (mas sem exageros!)

A atividade física permite o fortalecimento dos músculos e a prevenção de lesões. Mas cuidado para não exagerar na carga ou fazer exercícios muito intensos logo de cara, pois isso também machuca seu corpo.

E para garantir que você está realizando os exercícios corretamente, marque já uma consulta com um personal trainer da Eurekka! Te ajudaremos a montar um treino efetivo e saudável para que você possa se tornar a melhor versão de si mesmo.

banner personal exercício

Fique atento à sua postura

Em uma época em que muita gente está mais tempo em casa, vale a pena revisar a postura ao trabalhar ou estudar por horas a fio. Por isso, fique atento ao seu local de estudo e trabalho, e corrija sua postura durante essas atividades.

Cuidado ao carregar peso

Pegar um peso maior do que você está acostumado estressa seu corpo inteiro e resulta no famoso “mau jeito”. Carregue somente o peso que você suporta.

Revise o peso da sua bolsa ou mochila de costume

Mochilas ou bolsas muito pesadas, especialmente se usadas com frequência, forçam suas costas e deixam seus músculos tensos. Evite carregar peso em excesso. 

Durma tempo suficiente para descansar

Quando você não dorme bem, seus músculos ficam naturalmente mais tensos e rígidos. Garanta as horas necessárias de sono para o seu corpo se recuperar.

Observe sua posição antes de dormir

Verifique seus travesseiros e seu colchão, além da sua posição favorita para dormir. Um travesseiro muito alto força seu pescoço, e um colchão muito macio exige mais da sua coluna. Na dúvida, converse com um médico.

sede eurekka

Consulta médica com a EurekkaMED

A Eurekka possui atendimentos médicos e pode te ajudar a identificar a causa das suas dores e definir se o uso de um relaxante muscular é ou não o melhor caminho. Temos profissionais capacitados e atenciosos. Dessa forma vamos te ajudar e guiar com carinho e profissionalismo!

Portanto marque uma consulta aqui e dê mais um passo em direção de uma saúde estável e uma vida realizada!

Curtiu o texto? Para acessar mais conteúdos gratuitos como esse sobre psicologia e saúde emocional, você pode baixar nosso aplicativo bem como conferir a rede social que preferir: InstagramFacebook e YouTube!

🥰 Este artigo te ajudou?

0 / 5 4.14

Ana Caroline de França

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.