4 atitudes diárias de uma PESSOA MADURA

Equipe Eurekka

Você se acha uma pessoa psicologicamente madura? Eu diria que 95 por cento das pessoas que se acham psicologicamente maduras na verdade não são. Isso acontece porque a gente perdeu a ideia do que realmente é a maturidade

Neste texto, você vai entender o que a Eurekka considera como maturidade psicológica. Além disso, vai descobrir as 4 atitudes diárias para ser uma pessoa mais madura.

4 atitudes diárias para ser uma pessoa mais madura

Uma pessoa psicologicamente madura é aquela que já aprendeu a integrar seus desejos com as suas emoções e com as coisas que faz. Eu explico: todos nós temos as coisas que sentimos e as que fazemos, certo? Em uma pessoa imatura, essas três coisas estão desalinhadas.

Assim, ela quer uma coisa, faz outra e sente outra completamente diferente. Por exemplo: se apenas as emoções estão alinhadas com o que faz, mas não com quem quer ser, pode ser uma pessoa muito impulsiva. Olha só quais são as quatro atitudes diárias que se podem fazer para ser uma pessoa mais madura:

1. Deixe a poeira baixar

A primeira das atitudes é perceber quando a poeira está alta e deixar ela baixar para ver o que acontece. A pessoa imatura tem uma dificuldade muito grande com o verbo esperar.

Ela não consegue esperar para concretizar os seus desejos. Por exemplo, esperar para falar alguma coisa, perguntar ou investigar melhor a situação. Ela quer fazer tudo na hora.

Então, se alguém a incomodou, ela tem que responder na hora. Se ficou frustrada com alguma coisa, tem que chorar na hora. Se sentiu muita vontade de comer algo, tem que comer na hora.

Enquanto isso, a pessoa madura consegue olhar para a emoção que está sentindo e aceitá-la. Ela aceita que está sentindo raiva, sente uma tristeza profunda ou com muita vontade de comer sushi, mas isso não determina cem por cento de suas atitudes.

Ou seja, se está muito irritada, espera a situação toda acontecer e depois pensa no que fazer. Se está com muita vontade de comer um certo doce, espera 15 minutos para ver se realmente precisa comer. Essa capacidade de parar, esperar e refletir é uma das chaves da maturidade.

pessoa madura

2. Fale diretamente com a pessoa quando algo te magoar

A segunda atitude é ser capaz de falar em privado quando algo te magoa. A pessoa imatura tem, por um lado, o desejo e a vontade de se sentir compreendida e ter algum tipo de justiça quando sente que foi magoada ou injustiçada.

Mas, por outro lado, tem medo de falar diretamente com o outro. Ou seja, a vontade de ser compreendida a empurra para falar com a pessoa, mas a emoção do medo a afasta de realmente fazer isso. E qual é a solução que essa pessoa encontra? Geralmente, é fazer fofoca.

Ou então vai tentar fazer um escândalo na frente da outra pessoa para que ela seja humilhada. Existe aquela busca pela justiça através da humilhação ou através da fofoca.

Isso é uma atitude imatura, pois não tem uma integração entre a vontade, as emoções e as ações. A pessoa madura sempre raciocina da seguinte forma: “eu já pisei na bola desse jeito com alguém no passado. Talvez não tenha sido exatamente o mesmo erro, mas eu já pisei na bola feio com alguém no passado e já fui mal entendido. Como que eu gostaria que tivessem conversado comigo nessas situações? Eu gostaria que tivessem explodido em público ou feito fofoca? Eu gostaria que tivessem vindo falar comigo no privado, explicado a situação e me dado a oportunidade de desfazer esse mal entendido”.

Essa é a solução da pessoa madura. Ela vai no privado, conversa, tira a limpo a situação e deixa a oportunidade para que a outra pessoa se explique. Dá a oportunidade de desfazer a confusão pois ela sabe que já foi vítima desse mesmo efeito.

banner terapia saúde mental com a eurekka

3. Saiba claramente as tarefas mais importantes

A terceira atitude não tem nada a ver com a sua relação com os outros, mas sim com a relação consigo mesmo. E ela é: tenha uma noção clara das tarefas mais importantes do dia.

Você lembra que a maturidade tem a ver com as três dimensões das vontades, emoções e ações? Isso também tem a ver com como você organiza o seu dia.

O que acontece com a pessoa imatura é que, por um lado, ela tem vontade de ter um dia produtivo. Porém, por outro, tem emoções que vão contra essa vontade, como o desânimo, a preguiça ou as distrações.

Assim, com qualquer ação que acontece, ela acaba seguindo as suas emoções, se distraindo e ficando preguiçosa. Por isso, não consegue concretizar a sua vontade mais elevada e nobre, que é ter um dia produtivo.

Dessa forma, ela passa o dia inteiro fazendo pequenas tarefas e, no fim do dia, sente que andou dez centímetros para todos os lados. Já a pessoa madura, foca no que é mais importante e sabe exatamente quais são as top missões daquele dia. Assim, termina o dia sentindo que andou 10 quilômetros na direção que mais importa.

Essa pessoa aprendeu a integrar de maneira correta emoções, vontades e ações, mesmo tendo um monte de coisas puxando a sua atenção. Dessa forma, ela escolhe as quatro ou cinco tarefas que vão ter o maior impacto no que mais importa e faz.

pessoa madura sabe dizer não

4. Saiba usar as três palavras mágicas

Por fim, o último sinal tem a ver com três expressões que a pessoa madura usa com frequência. Essas expressões são: por favor, me desculpe e obrigado.

Muitos de nós nascemos em famílias que não tinham o hábito de pedir desculpas, nunca admitiam que estavam erradas ou achavam que todo mundo devia tudo para elas, então não pediam por favor. A forma como você viveu na sua família influencia muito quem você é hoje. Mas se você quer deixar o passado para trás, tem que agir de uma forma diferente.

Se você quer ter uma relação profunda com qualquer pessoa, tem que saber pedir por favor, agradecer e pedir desculpas. Essas são habilidades básicas de qualquer relação. Se você teve uma infância complicada e os seus pais nunca criaram esses hábitos, você pode aproveitar o agora para começar a botá-los em prática.

E a terapia também pode te ajudar a superar questões antigas e te ajudar a ter um futuro livre de traumas. Clique aqui para conversar com um de nossos psicólogos!

Agora comenta aqui, quantos pontos você somou para a pessoa madura, e qual dos passos vai começar a botar em prática a partir de hoje?

🥰 Este artigo te ajudou?

0 / 5 5

Equipe Eurekka

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *