EMDR não funciona? Saiba de vez a verdade

Equipe Eurekka

O EMDR (Eye Movement Desensitization and Reprocessing) é uma técnica nova de terapia, na qual memórias traumáticas são desbloqueadas e tratadas através do movimento dos olhos. E por ser uma abordagem muito diferente, fica no ar aquela dúvida: EMDR não funciona? Ou é mesmo uma inovação incrível? 

E por ser uma questão muito válida, no texto de hoje, nós vamos explicar melhor como essa técnica é usada e se ela funciona de verdade ou não. Continue lendo e descubra o que a ciência diz sobre isso. 

Boa leitura!

Como funciona o EMDR?

O EMDR funciona assim: o terapeuta conversa com o paciente para entender qual o problema que mais precisa de atenção.

Após esse diálogo, o profissional conduz o paciente até uma memória ruim que precisa ser tratada. Como um abuso, lembrança de um acidente ou qualquer outro tipo de trauma. Enquanto isso, ele induz a pessoa a movimentar os olhos de um modo específico. 

Dessa forma, a partir do movimento ocular, ocorre a estimulação bilateral do cérebro, ajudando o paciente a reprocessar a situação traumática e arquivá-la de forma funcional. Tirando a carga negativa relacionada ao evento e fazendo com que ela não atrapalhe mais o presente da pessoa. 

E, segundo a teoria do EMDR, o paciente deve passar por 8 fases para que o resultado seja completo, sendo elas:

  • Conversa com o paciente;
  • Exercícios de regulação emocional para que o paciente se sinta calmo;
  • Definição da memória traumática alvo pelo terapeuta;
  • O paciente visualiza a memória traumática alvo e perceba as sensações, emoções e crenças negativas ali presentes. Junto com a estimulação bilateral do cérebro de forma regulada;
  • Ressignificação da memória traumática para que ela não cause mais danos à vida do paciente;
  • Buca por possíveis sensações corporais residuais danosas;
  • Conversa do terapeuta com o paciente;
  • Reavaliação. 

Além disso, profissionais têm usado o EMDR para tratar também outras áreas, como: luto, fobias, dependência química, depressão e outros.

emdr é o mesmo que hipnose?

EMDR é o mesmo que hipnose?

Não, a hipnose e o EMDR são diferentes. Pois, no EMDR, é necessário ter a atenção dual, que significa que o paciente deve estar com a atenção tanto no presente, quanto no passado. Ou seja, ele está consciente o tempo todo. 

Já a hipnose, utiliza a indução para alterar o estado de consciência. Situação que não acontece na terapia EMDR.

EMDR funciona ou não funciona?

A terapia EMDR funciona. Existem estudos que comprovam a sua eficácia, como o caso de Mike, um veterano da guerra no Iraque que alegou sentir menos dor emocional e ter mudado seu modo de ver as situações após a terapia EMDR. Você pode ler sua história aqui.

Porém, segundo a APA (American Psychological Association), existem dois grupos de tratamentos para casos de Estresse Pós-Traumático, sendo eles:

O grupo dos tratamentos fortemente recomendados, que são as abordagens que com certeza irão dar bons resultados, pois já estão consolidadas e sua eficácia é certa. E nesse grupo, estão incluídas a Terapia Cognitivo-Comportamental e suas variações: Terapia de Processamento Cognitivo, Terapia Cognitiva e Terapia de Exposição Prolongada.

Já o grupo dos tratamentos condicionalmente recomendados, diz respeito às abordagens que têm sim resultados positivos, mas que as evidências ainda não são muito fortes. Além disso, a relação entre os benefícios e os possíveis danos não é tão favorável e o tipo intervenção pode ser de difícil aplicação.

E o EMDR se encaixa nessa segunda categoria, junto com a Psicoterapia Breve e a Terapia de Exposição Narrativa.

Ou seja, apesar de funcionar, existem outras terapias que geram resultados melhores e são mais recomendáveis para tratar o Estresse Pós-Traumático. 

Há estudos que comprovam que o EMDR não funciona?

Estudos voltados para a terapia EMDR afirmam sua eficácia, mas muitos profissionais e a própria APA concluem que seus efeitos e resultados ainda não são o suficiente para comprovar a eficácia completa. 

Além disso, existem áreas complexas envolvidas no processo que ainda contam com pouca explicação científica de como essa técnica de aplicação funciona. 

Por isso, a conclusão é que ela pode ser sim positiva e tem mostrado isso nos seus estudos, mas existem tipos de terapia mais consolidadas e recomendadas para tratar o Estresse Pós-Traumático.

E se você quer saber mais sobre Psicologia e como ela pode ajudar você a ser mais feliz, realizado e bem resolvido, clique no banner abaixo e conheça a Academia Eurekka!

banner academia eurekka

Os movimentos oculares aumentam a eficácia?

Para a terapia EMDR, os movimentos oculares são essenciais para que o paciente reprocesse as memórias. Isso porque essa ação ativa as áreas bilaterais do cérebro, de forma que ele acessa várias redes neurológicas que o ajudam a entender e reprocessar a situação traumática. 

O EMDR é tão eficaz quanto outros tipos de terapia?

Apesar de ser sim reconhecida pela OMS (Organização Mundial da Saúde), ainda é mais seguro e eficiente buscar terapias que já são usadas a mais tempo e se têm dados mas certeiros. Ainda mais se for um problema grave que afeta muito você.

Mas, se você desejar fazer a terapia EMDR, deve procurar um profissional licenciado e especializado no assunto, pois assim as chances de eficácia serão maiores.

Além disso, nada impede que você combine o EMDR com outro tipo de terapia.

sede da Eurekka

Cuide da sua saúde mental na Eurekka

Aqui na Eurekka, nós trabalhamos com a Terapia Cognitivo-Comportamental, que é muito eficaz para tratar diversos tipos de transtornos e outros problemas.

A partir de pequenos passos você e seu terapeuta vão chegar à raiz do problema e você vai começar a entender melhor sobre seu passado e presente. Sendo, então, mais leve e feliz!

Por isso, se você quer começar a terapia com um psicólogo experiente e humanizado, esse é o lugar certo! Nós somos a maior clínica de saúde mental do Brasil e fazemos mais de 5000 sessões mensais de terapia. E, se você quer ser uma dessas pessoas que estão mudando suas vidas, clique aqui!

🥰 Este artigo te ajudou?

0 / 5 0

Equipe Eurekka

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.