Como perder a vergonha de falar em público? 5 dicas infalíveis

Equipe Eurekka

Equipe Eurekka

JUNTE-SE A MAIS DE 150.000 PESSOAS
Receba o Momento Eurekka com dicas semanais de Saúde Emocional exclusivas:

Você já precisou falar em público e, na hora, travou? Ou nem mesmo chegou a se apresentar: desistiu antes, ou ficou tão tonto que não pôde fazer o que precisava. E aí, fica se perguntando: como perder a vergonha de falar em público?

Saiba que esta situação é mais comum do que você pensa! Por isso, a Eurekka resolveu trazer 5 técnicas para você melhorar a sua vergonha e poder falar em público sem problemas. Boa leitura!

Por que sentimos vergonha?

Esta é uma pergunta muito boa. Você já parou pra pensar por que fica tão envergonhado? Às vezes, temos vergonha de falar em público. Outras vezes, temos vergonha de receber elogios!

Vamos entender por que sentimos vergonha sabendo mais sobre a origem dela.

A origem da vergonha

A vergonha é considerada um sentimento, e não uma emoção. A diferença entre eles é que a emoção é algo químico dentro de nós; o sentimento é uma resposta à emoção que se sente no momento.

Pois bem, este sentimento está cem por cento ligado ao desejo humano de ter aprovação social. Ou seja, você sempre quer que as outras pessoas ao redor concordem com o que você diz ou com o jeito que você faz as coisas.

Isso não é um problema e muito menos algo que pode mudar – é da nossa natureza. O que você pode fazer é controlar a importância desse feedback que os outros dão para você.

Causas da vergonha

Como você já viu que a vergonha tem uma origem – a aprovação dos outros -, é claro que ela também tem causas. Vamos ver aqui as causas mais comuns.

Sensibilidade a críticas

Algumas pessoas são mais sensíveis a receber críticas do que outras. Por isso, o feedback alheio pode pesar mais do que deveria. Isso, por sua vez, faz com que a pessoa tenha medo de passar por este sentimento ruim.

Vamos fazer um exercício. Finja que você me mostrou um texto que escreveu. Eu te digo que ficou bom, mas precisa arrumar várias coisas.

Como isso chega até você? Você se sente mal pelas correções que precisa fazer? Fica triste por eu notar partes ruins no seu texto?

É normal ficar um pouco chateado, mas isso não deve fazer você desistir do texto ou fazer você se sentir um escritor ruim. Eu critico só para te ajudar a melhorar. Entende a diferença?

banner produtividade

Rejeição

Pessoas que são sensíveis a críticas também podem ser sensíveis a rejeição.

Por exemplo, usando nosso exercício anterior, você pode sentir que eu te rejeitei. Ou seja, que eu odiei o que você fez, que eu te excluí do meu círculo social.

Mas, na verdade, nada disso aconteceu! Como eu disse, eu só quis melhorar o seu texto e te ajudar.

Temos medo da rejeição pois temos medo de ficar de fora de um grupo, temos medo de não encaixar no molde dos outros.

Culpa

Aqui está outra terrível aliada da nossa vergonha! Este é um sentimento muito ligado com a moral, assim como a vergonha.

Você pode sentir culpa por causar um constrangimento a si mesmo caso erre ao falar em público.

Além disso, pode sentir culpa, também, por não ter feito tão bem quanto gostaria ou não falar tudo que queria.

Ademais, a culpa pode vir de ocasiões passadas em que você falou em público e algo deu errado; então, você têm medo de sentir essa culpa de novo.

Comparações e inseguranças

Por fim, uma causa muito comum em todos nós. Quem nunca ficou inseguro de algo?

Ainda mais com o uso das redes sociais, é muito comum que a gente se compare com os outros e queira ser cada vez maior e melhor.

Talvez você já tenha pensado: “queria falar tão bem quando o Henrique fala nas lives“, ou “queria ser tão relaxado quanto o Luiz quando ele se apresenta”.

Porém, eles têm anos de prática, desde apresentações na escola e na faculdade, até os vídeos que fazem hoje em dia para a Eurekka. E é claro que, em alguns momentos, eles já gaguejaram, esqueceram falas ou se enrolaram na resposta.

Afinal, eles são humanos, como eu e você. E, assim como eles, você pode desenvolver as suas habilidades em oratória e praticando mindfulness e meditação para se acalmar em momentos de ansiedade.

Por que as pessoas sentem vergonha de falar em público?

Bom, agora que já vimos as causas da vergonha, podemos ver que motivos causam vergonha nas pessoas. Veja se algum destes é o seu caso!

como perder a vergonha de falar em público

Ansiedade

Às vezes, só de pensar em falar em público, a pessoa já fica com o coração acelerado, começa a suar e sente que não vai dar conta. Estes são sintomas de ansiedade.

Como já conversamos muitas vezes, em outros artigos, a ansiedade pode ser tóxica, nos impedindo de fazer coisas que queremos e que vão ser boas para nós no futuro.

Se este é o seu caso, você precisa focar em técnicas que reduzem os sintomas de ansiedade.

Além disso, a ansiedade pode ter também a sua parte boa. Nesses casos, ela está te avisando que você ainda não se sente pronto e, por isso, deveria treinar mais.

Medo

O medo de falar em público tem nome: glossofobia. Nestes casos, é bem como uma fobia. Ou seja, um medo incontrolável e arrebatador.

Para não “congelar” na hora e perder a vergonha e o medo de falar em público, aqui estão algumas ideias do que você pode fazer antes do grande dia:

  • Aumentar a sua experiência, se apresentando primeiro para o espelho, depois para pessoas de confiança e assim por diante;
  • Se familiarizar com o ambiente em que vai se apresentar;
  • Praticar a respiração diafragmática;
  • Na hora de se apresentar, ser sincero e explicar que está nervoso.

Timidez

Se você é uma pessoa tímida, é normal ter vergonha de falar em público. Afinal, você já tem vergonha até de falar com um grupo pequeno de pessoas.

Contudo, se este é o seu caso, você não deve, de jeito nenhum, forçar os seus limites. Entenda que o seu problema não é falar com muitas pessoas, mas expor suas ideias de uma forma geral.

As dicas que demos no tópico acima devem servir também para o caso da timidez e vão te ajudar a ficar cada vez mais confortável neste tipo de situação.

Evitação

A evitação é a ação de fugir de algo que não te agrada, que não te deixa confortável. Então, você pode acabar fugindo da situação de falar em público para evitar ficar mal, ansioso e com medo.

Por exemplo, você já deixou para apresentar o seu trabalho por último? É provável que você estava tentando evitar uma situação.

No geral, este tipo de ação não resolve nada – você só vai ficando mais nervoso, pois é mais tempo esperando para se apresentar e resolver logo isso.

roteiro

5 técnicas de como perder a vergonha de falar em público

Agora, vamos ao que interessa! Você pode ter menos medo, culpa e ansiedade na hora de se apresentar. Estes sentimentos e sintomas não são crônicos e podem ser suavizados.

Veja técnicas que vão fazer você perder a vergonha de falar em público.

1. Prepare um roteiro previamente

Criar um roteiro e treinar a partir dele todos os dias é um ótimo jeito de se preparar. Assim, você tem algo concreto em que se basear para se apresentar.

Com um texto pronto, você vai sentir mais controle da situação e vai poder estudar a matéria que você vai falar. Você pode escrever só tópicos também, se preferir, ao invés de escrever palavra por palavra do que você quer falar.

Se a apresentação for online, você pode deixar o roteiro aberto enquanto você se apresenta, e, assim, consultar quando quiser.

Se for presencial, veja a melhor forma de usar este roteiro: como fichas, como uma folha apoiada no púlpito…

2. Treine articulações e gestos

Quando você pensa no que vai fazer com as mãos na hora de falar e como você vai pronunciar a palavra mais importante da frase, você está, de novo, tomando o controle.

Além disso, quanto mais ações você tiver em mente, mais preparado vai se sentir. Algumas pessoas não sabem o que fazer com as mãos na hora de falar, o que as deixa ainda mais nervosas na hora.

Então, pense se você quer fazer grandes gestos ou gestos mais suaves, quais palavras são mais vitais de serem enfatizadas, e por aí vai.

3. Treine a voz

Faça exercícios de oratória e aquecimento vocal. Você pode fazer isso enquanto treina e antes de falar em público de verdade.

Qualquer pesquisa básica que você faça na internet vai te trazer vários treinos possíveis. Então, veja alguns:

  • Bocejar várias vezes para relaxar os músculos e articulações da face;
  • Beber água em temperatura ambiente;
  • Por fim, falar trava-línguas

Você conhece algum outro treino para a voz? Comenta aqui embaixo!

4. Observe a sua postura

Preste atenção na sua postura neste exato momento. É provável que você esteja todo torto na cadeira. Tudo bem, não estou te julgando. Mas esta tem sido a sua postura natural.

Isso faz com que você ache estranho e desconfortável quando precisa ficar com a postura ereta e com o peito aberto. Como melhorar isso?

É simples: faça dessa a sua postura natural. Se treine a ficar retinho na cadeira – sua coluna vai agradecer! Assim, você vai achar mais tranquilo se portar da maneira certa na hora de falar em público.

Além disso, você pode fazer alongamentos diários para deixar o corpo mais relaxado. Estique braços, mãos e pernas.

Por fim, você também pode girar o pescoço com calma para a esquerda algumas vezes. Depois, gire para a direita.

alongamento para relaxar

5. Faça técnicas de relaxamento e respiração

A Eurekka já te mostrou várias vezes técnicas para relaxar, né? Parece até clichê, mas é que quando você relaxa de verdade, tudo ocorre mais fácil. Você tem menos medo, menos ansiedade, menos tristeza, mais razão…

Então, procure nossas meditações, ou saiba mais sobre os tipos de mindfulness. As duas vão te ajudar não só a relaxar, como também a treinar a respiração.

Além disso, você pode ver na nossa Constelação as técnicas Desacelera, Aqui e Agora e FuiLáeFiz. Todas essas vão te ajudar a focar no momento presente e ir adiante com os seus projetos.

Por fim, um banho quentinho não faz mal a ninguém, né? Busque fazer coisas que te relaxam antes de falar em público.

Peça uma massagem para o seu amigo, acenda um incenso, reveja o roteiro que você criou… E lembre-se: vai ficar tudo bem.

Agora, você já sabe vários jeitos para perder a vergonha de falar em público, então, fique calmo e perceba a sua capacidade de ir muito bem!

Por fim, se você quer saber mais sobre psicologia, saúde mental e melhorar a sua vida em todos os aspectos, aproveite para entrar no nosso aplicativo ou redes sociais: Instagram,  Facebook e YouTube!

🥰 Este artigo te ajudou?

0 / 5 5

Compartilhe com seus amigos

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Artigos Relacionados